A norma NBR ISO 10012:2004 diz que:

"Intervalos de comprovação metrologicas 


Uma pergunta bastante comum é  Como Definir o intervalo das Calibrações. Temos aqui pra você umas respostas que podem ajudar a definir as frequências das Calibrações.


Os métodos usados para a determinação ou mudança dos intervalos entre comprovações metrológicas devem ser descritos em procedimentos documentados. Esses intervalos devem ser analisados criticamente e ajustados quando necessário para assegurar a contínua conformidade com os requisitos metrológicos especificados.


Dados obtidos de histórias de calibração e comprovação metrológica, e avanços de tecnologia e de conhecimento podem ser usados para determinação dos intervalos entre comprovações metrológicas. Registros obtidos usando técnicas de controle estatístico de processo para medições podem ser úteis na determinação da necessidade ou não de alterar os intervalos de comprovação metrológica.



Elaboração da frequência de calibração


A frequência da calibração deve ser estabelecida em um procedimento, sendo o critério escolhido por meio de uma série fatores, tais como:

- Tipo de equipamento e recomendações do fabricante;- Análise de tendência conforme dados das calibrações anteriores;

- Histórico de uso e manutenção;

- Comparação de periodicidade com equipamentos similares;

- Exatidão da medida.


Quando nenhum dado está disponível, convém analisar se o instrumento será submetido a um uso severo, qual a influência do ambiente e qual a exatidão pretendida. Quanto pior for o parâmetro, menor deve ser a periodicidade da calibração.



Ajuste da frequência de calibração

A frequência de calibração deve ser submetida a uma revisão sistemática, sem a qual o sistema de confirmação metrológica não pode ser considerado confiável.


Quando é possível aumentar a periodicidade da calibração?

- Quando o equipamento apresentar pelo menos 2 certificados de calibração com resultados satisfatórios e seu uso não for crítico;

- Quando o equipamento apresentar pelo menos 4 certificados de calibração com resultados satisfatórios, mesmo sendo um equipamento crítico, é possível aumentar a periodicidade das calibrações. É aconselhável que seja criado métodos para fazer verificações intermediárias das medições de equipamentos com periodicidade ampliada.

- Quando o equipamento for de classe de exatidão muito superior à precisão requerida do processo, e seu certificado de calibração apresentar baixo valor de erro+incerteza em relação ao critério de aceitação.



Quando reduzir o intervalo entre as calibrações?


- Quando suas medições apresentarem resultados duvidosos;

- Quando a calibração do equipamento apontar necessidade de ajuste;

- Quando for utilizado o método de correção dos erros apresentados por um equipamento.



Para mais informações, considere se inscrever no curso de Metrologia Aplicada oferecido pelo CTM ou procure pelo livro Metrologia na Indústria, escrito por Edval de Lira, um dos sócios fundadores do CTM.